sábado, 4 de setembro de 2010

Orgãos genitais internos!

Dentre os genitais internos destacam-se:

  • Canais deferentes: Dos epididimos que são dois tubos enovelados que partem dos testiculos,, os espermatozóides passam para os canais deferentes, eles tem cerca de 45 cm de comprimento e são tubos que partem dos testiculos, circundam a bexiga e unem-se ao ducto ejaculatorio, onde desemboca as vesículas seminais. 
Testículos: cada testículo é composto por um emaranhado de tubos, os ductos seminíferos, esses ductos são formados pelas células de Sértoli e pelo epitélio germinativo, onde ocorrerá a formação dos espermatozóides. Em meio a ductos seminíferos, as células intersticiais ou de Leydig produzem os hormônios sexuais masculinos, sobretudo a testosterona, responsável pelo desenvolvimento dos órgãos genitais masculinos e dos caracteres sexuais secundários que são responsáveis por: estimular os folículos pilosos para que façam crescer a barba masculina e o pêlo pubiano; Estimulam o crescimento das glândulas sebáceas e a elaboração do sebo; Produzem o aumento de massa muscular nas crianças durnate a puberdade pelo aumento das fibras musculares; Ampliam a laringe e tornam a voz mais grave; Fazem com que o desenvolvimento da massa óssea seja maior, protegendo contra a osteoporose.

Vesículas seminais: localizadas atrás da bexiga, responsáveis pela produção de um líquido, que será liberado no ducto ejaculatório que juntamente com o líquido prostático e espermatozóides, entrarão na composição do sêmen. O líquido das vesículas seminais age como fonte de energia para os espermatozóides e é constituído principalmente por frutose, apesar de conter fosfatos, nitrogênio não protéico, cloretos, colina e prostaglandinas.

Próstata: localizada embaixo da bexiga urinária, é uma glândula com cerca de 4 cm de diâmetro que envolve a porção inicial da uretra. A secreção prostática, que constitui entre 15% e 30% do esperma, é lançada na uretra e no ducto ejaculador através de uma série de pequenos canais. Embaixo da próstata e desembocando na uretra existe um par de glândulas bulbouretrais, que durante a excitação sexual liberam um líquido que contribui para a limpeza do canal da uretra, antes da passagem do esperma.
As principais doenças que atingem a próstata são a hiperplasia prostática benigna, a prostatite e o câncer de próstata.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário